Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2006
"Nas suas popularíssimas memórias, a senhora Carolina Salgado revela que se apaixonou por Pinto da Costa enquanto dançavam ao som de Sting. Por mim, desconfio que, mais do que o facto de se terem conhecido numa casa de alterne, esse foi o principal motivo para a relação terminar como terminou, entre fugas da polícia, tabefes, jagunços, ameaças de morte e péssimas autobiografias. (...)"

***

"(...) O problema, sabem, é que eu gostava do dr. Soares. Ao contrário de boa parte da direita, que decidira odiá-lo pela descolonização ou simplesmente por imperativo partidário, eu preferia atribuir-lhe as lutas “boas” do PREC e o contributo para a democracia possível. Agora, porém, começo a duvidar se a resistência ao comunismo foi uma convicção ou uma inevitável estratégia de poder, e se o Soares real é o democrata ou o bajulador de pretensos e consumados tiranetes. (...)"

***

"Apesar de alguma propaganda “imperialista” e algum desconhecimento puro, o fascinante Irão não é só aiatolas, enriquecimento de urânio, repressão, apedrejamentos de mulheres, mutilações corporais, escravatura, execuções de homossexuais e tapetes vistosos. Também é um espaço aberto à reflexão histórica, o que se comprova no congresso “Revisão do Holocausto: Visão Global”, que reuniu ontem e hoje “especialistas” de 30 nações para debater o referido tema. Debater à maneira local, claro: metade dos participantes acha o Holocausto um mito; a metade restante considera-o uma fraude. (...)"

"(...) o que sobra de “Eu, Carolina”? Sobra uma ou outra matéria de investigação, o ressentimento da autora, e um pretexto para o dr. Ricardo Bexiga anunciar anteontem a “promiscuidade” entre a política e o futebol. O dr. Bexiga, note-se, é orgulhoso membro (e ex-deputado) do PS, cujos representantes nacionais costumam fugir do Parlamento para acorrer aos jogos do FCP e louvar Pinto da Costa. Como refere uma personagem do livro, o dr. Bexiga ficou a falar. Mas não diz nada de novo."



publicado por ag às 12:01 | link do post

mais sobre mim

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


Últimas

Dias Contados

A crónica do DN

A crónica da Sábado

Juízo Final

Dias Contados

2008, um lugar

2008, um filme

2008, um livro

2008, um disco

Juízo Final

Arquivo morto

Abril 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Outubro 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Dezembro 2003

Novembro 2003

Outubro 2003

Setembro 2003

Agosto 2003

tags

crónicas da sábado

crónicas do dn

involução da espécie

todas as tags

Outros
blogs SAPO
RSS